O Pipeline de Vendas representa visualmente o processo comercial, dividido em várias fases. Os grandes negócios e os times de vendas bem-sucedidos, geralmente, realizam a gestão comercial por meio do Pipeline de Vendas. Isso acontece porque o passo a passo ajuda a manter a atenção voltada às atividades e estratégias com maiores chances de venda.

Dentro do Viasoft Korp CRM é possível montar todo o Pipeline de Vendas: inserir os leads, as fases e as oportunidades de negócio, além de realizar toda a gestão da equipe. Com esse sistema em mãos, o processo de venda torna-se personalizável, conforme suas necessidades.

Veja no vídeo a seguir, um exemplo de configuração de Pipeline de Vendas:

Como montar um Pipeline de Vendas?

Primeiro, saiba como funciona o processo de vendas dentro da empresa:

Entenda as fases que o lead percorre, assim como as oportunidades, para posteriormente transferir essas informações ao sistema. Por exemplo: uma empresa identifica que o lead em um primeiro momento é contatado pela equipe, em seguida, agenda-se uma primeira ligação. Ao final, decidem o melhor canal para a resposta sobre o fechamento da venda.

Então, nesse caso, todas as informações do consumidor podem ser inseridas no sistema, além do passo a passo. Sendo que, o gestor pode acompanhar o processo do lead, do vendedor e como está seguindo a oportunidade dentro daquele Pipeline definido previamente. Mediante o Viasoft Korp CRM, é possível realizar também uma busca específica por meio dos filtros. Exemplo: verificar somente as vendas de um profissional específico nos últimos 3 meses.

Analise os números:

Comece a calcular a quantidade de oportunidades necessárias dentro do Pipeline de Vendas para realizar um fechamento. Por exemplo: uma empresa para bater a meta, precisa de 600 leads novos, para fechar a venda com cerca de 10% desses potenciais clientes. Assim, cumprindo sua meta mensal.

Determine as melhores ações em cada etapa:

Conforme a definição das ações, a equipe sabe como agir e quais tarefas devem ser realizadas, a fim de movimentar os leads em cada etapa do funil. Além do plano “A”, tenha em mente também outros planejamentos, caso aquele primeiro não se adéque tão bem ao mercado. Enfim, tente fazer com que o Pipeline esteja sempre em movimento.

Crie uma rotina para preencher e gerir o Pipeline:

Ao adicionar novos leads e oportunidades, defina a rotina de acompanhamento de todo o processo, a fim de realizar uma gestão com base em números e resultados.

Resumindo:

1º. Criar um modelo de Pipeline;
2º. Estimar alguns números estratégicos, a fim de cumprir os objetivos.
3º. Determinar as ações de cada fase do Pipeline.
4º. Estabelecer uma rotina com o intuito de trazer novas oportunidades de negócio.

Logicamente, dentro do Pipeline não é importante apenas a busca por novos leads, é essencial qualificá-los para identificar quais deles apresentam melhor adequação à sua solução empresarial. O processo de qualificação de leads é outra função que pode ser feita dentro do Viasoft Korp CRM. Teste o sistema gratuitamente!

Ficou com alguma dúvida? Então, envie-nos uma mensagem!